terça-feira, setembro 15, 2009

ACORDES- FORMAÇÃO


ACORDES- FORMAÇÃO

Acordes são um conjunto de no mínimo três notas tocadas de maneira simultânea ou de forma dedilhada. Estas notas são chamadas de TÔNICA, TERÇA e QUINTA e serão de primordial importância em todo o conhecimento musical.

TÔNICA

Recebe esse nome a nota fundamental de um acorde, a nota mais importante, que vai dar o nome ao mesmo. Por exemplo: o acorde de LA terá a nota la como tônica, o acorde de MI terá a nota mi como sua tônica; a partir da tônica é que poderemos formar um acorde ou escala para uma composição.

TERÇA

A terça de um acorde será a nota responsável por caracterizá-lo como maior ou menor, isto é, se o acorde possuir uma terça maior ele será maior; se possuir uma terça menor este será menor. Para indicarmos uma terça maior basta chamar esta de terça, para uma terça menor chamamos de terça menor.

QUINTA

A quinta ou quinto grau não mudará sendo o acorde ou escala maior ou menor.

FORMANDO UM ACORDE

Dispondo as notas em seqüência poderemos separá-las em graus, a partir disso caracterizá-las.

I II III IV V VI VII VIII - GRAUS

A B C D E F G A - NOTAS

1 TOM ½ TOM 1 TOM 1 TOM ½ TOM 1 TOM 1 TOM - DIFERENÇA EM TONS

A nota tônica será a escolhida que dá nome ao acorde, vamos exemplificar formando o acorde de la. Assim nossa tônica será A, precisaremos agora achar terça e quinta.

Sendo o acorde A maior necessitamos de uma terça maior, como achá-la ? lembrando que a tônica será nosso primeiro grau a terça ficará como terceiro grau, porém, é preciso saber que toda a terça maior possúi 2 tons de diferença para a nota tônica. Assim devemos saber: A ( 1 tom ) B ( ½ tom ) C ( ½ tom ) C#, fechando 2 tons aqui teremos C#, então esta nota é a terça ( maior ) de A .

A quinta deverá estar no quinto grau da tônica, chamada de quinta justa .

I II III IV V

A B C D E E será , portanto a quinta de A

Assim, teremos como notas que formam o acorde de A:

TÔNICA - A TERÇA - C# QUINTA - E

tente formar outros acordes maiores a partir dessa teoria.

Para os acordes menores apenas mudaremos a terça para terça menor.

A terça menor fica a 1 tom ½ da tônica.

A ( 1 TOM ) B ( ½ TOM ) C

então, C é a terça menor de A

ACORDE DE Am ( usamos m para representar menor )

Am ( tônica - A , terça menor - C, quinta - E )

OBS: a diferença de um acorde maior para um menor está em sua terça.

ACORDES GRAUS

I III V

MI SOL

MI MI SOL SI

SOL SOL SI

MI

SI SI

P.S: É importante lembrar que a terça não corresponde necessariamente ao terceiro grau, pois este pode estar ao lado ( bemol ) ou ( sustenido ). Dependendo se vai ser uma terça maior ( 2 tons da tônica ) ou terça menor ( 1tom ½ da tônica ).

GRÁFICO DE ACORDES

____1___2_____3__ casas do braço

|_____|_____|_____|

|_____|_____|_____|

|_____|_____|_____|

|_____|_____|_____| as linhas representam as cordas ( de cima para baixo: 1a. 2a. 3a. 4a. 5a. 6a. )

|_____|_____|_____| 6a. corda

1A. 2A. 3A. ( Casas do braço )

C D E F

______________ ______2_______ ______________ __1___________

|_1___|_____|_____| |_____|_____|__3__| |_____|_____|_____| |__1__|_____|_____|

|_____|_____|_____| |_____|__1__|_____| |__1__|_____|_____| |__1__|__2__|_____|

|_____|_2___|_____| |_____|__0__|_____| |_____|__3__|_____| |__1__|_____|__4__|

|_____|_____|__3__| |_____|_____|_____| |_____|__2__|_____| |__1__|_____|__3__|
|_____|_____|_____| |_____|_____|_____| |_____|_____|_____| |__1__|_____|_____|

1A 2A. 3A. 1A. 2A. 3A. 1A. 2A. 3A. 1A. 2A. 3A. .

G A B

______________4__ ________________ __1_____________

|_____|_____|__3__| |_____|___4_|_____| |__1__|_____|__4__|

|_____|_____|_____| |_____|___3_|_____| |__1__|_____|__3__|

|_____|_____|_____| |_____|___2_|_____| |__1__|_____|__2__|

|_____|___1_|_____| |_____|___0_|_____| |__1__|_____|_____|

|_____|_____|__2__| |_____|_____|_____| |__1__|_____|_____|

1A. 2A. 3A. 1A. 2A. 3A. 1A. 2A. 3A.

FORMAÇÃO BÁSICA DOS ACORDES

Nesse tópico não colocarei gráficos para que o aluno exercite montando acordes em seu instrumento, com os conhecimentos anteriores isso torna-se perfeitamente possível.

TRÍADES

Uma tríade é formada pela superposição de duas terças, formando um acorde de três sons: uma nota fundamental ( tônica ) I grau, uma terça, III grau; e uma quinta, V grau.

As tríades podem ser de quatro tipos básicos:

Maior: I - III - V GRAUS

Menor: I - IIIb - V

Aumentada: I - III - 5#

Diminuta: I - IIIb - 5b

TÉTRADES

Uma tétrade é um acorde de quatro sons, uma tônica, terça, quinta e sétima ( VII grau ).

Sétima maior: I - III - V - VII

Menor com sétima : I - IIIb - V - 7b ( b - entende-se como menor )

Dominante: I - III - V - VIIb

Diminuta: I - IIIb - Vb - 7bb

Menor com sétima maior: I - IIIb - V - VII

Meia-diminuta: I - IIIb - Vb - 7b

Sétima maior e quinta aumentada: I - III - V# - 7

Aumentada ( + ) meio tom acima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário